cultura

Como ser um CEO mais eficiente usando práticas de cultura

A felicidade no ambiente de trabalho tem sido o foco de inúmeras empresas ao redor do mundo. Devido a isso, as práticas de cultura se tornaram uma peça fundamental para o crescimento coletivo e positivo. Mas, sozinhas, felicidade no ambiente corporativo e cultura não garantem o sucesso de uma empresa — apesar de serem fundamentais para o engajamento e motivação dos colaboradores. Então, o que é necessário para maximizar o potencial do seu negócio? Um líder comprometido e estratégico.

 

O que toda a empresa precisa

Muitas pessoas ainda não entendem o real impacto de uma má estratégia. Uma aplicação incerta, principalmente quando trata-se de erros de comunicação, pode afetar não apenas os resultados, mas a motivação dos colaboradores. Então, você deve estar se perguntando, por onde devo começar? Antes de mais nada, tenha em mente que por trás de uma cultura forte existe uma atuação estratégia de um CEO.

 

Modelo de excelência

Um CEO eficiente deve estar atento a cultura organizacional, reforçando valores e crenças. Pois, além de impactarem diretamente nos objetivos da empresa,  esses pilares a longo prazo podem incrementar o desempenho financeiro. Em períodos de isolamento social, deve-se priorizar melhorias na comunicação interna, evitando que os times sintam-se desmotivados. Existem diversas ferramentas que possibilitam avaliações de desempenho de forma remota  e influenciam a tomada de decisões.

 

Se envolva

CEOs que direcionam seus esforços à implementação de práticas de cultura conseguem coletar feedbacks contínuos e estabelecer um termômetro emocional. Mas, para acompanhar o humor dos seus colaboradores é preciso se conectar com o maior número de pessoas da sua empresa e fortalecer laços. Essa prática, além de proporcionar inúmeros insights, pode contribuir para a evolução de departamentos específicos e melhorar a saúde mental e bem-estar coletivo.

 

Gestão transparente

Táticas simples podem ser muito eficazes. Um CEO eficiente deve entender a importância de compartilhar informações sobre diferentes níveis operacionais, priorizando a transparência, principalmente em períodos de home office. Apesar de não existir uma fórmula mágica, a comunicação é capaz de manter as equipes unidas, reforçar o senso de confiança e de abertura.

 

Por exemplo, que tal apostar em ferramentas específicas para sinalizar mudanças internas e registrar dados? Procure canais que garantam o compartilhamento de calendários, atividades e inclua detalhes sobre as novas tomadas de decisão da empresa. 

 

Reconheça

Valorize seus colaboradores por suas realizações profissionais. Reconhecer publicamente as conquistas individuais ou coletivas de um time é um símbolo de gratidão, e consequentemente irá impactar na retenção de talentos. A rotatividade é um reflexo de ações internas. Portanto, estimule o engajamento ao divulgar promoções ou mudanças de posições.

 

Que tal adaptar-se às necessidades do seu negócio? Compartilhe abaixo a sua maior dificuldade.