Como o profissional de RH pode transformar uma empresa?

O profissional de RH desempenha um papel estratégico dentro da empresa, sendo uma parte fundamental nos resultados da organização.

O profissional de RH é um pilar importantíssimo dentro das organizações. 

Foi-se o tempo em que essas pessoas eram apenas responsáveis por recrutamento e seleção, demissões e festinhas nas datas comemorativas. 

Hoje, mais do que nunca, o profissional de recursos humanos é aquele que participa ativa e estrategicamente do crescimento da organização; mantendo o clima organizacional saudável, engajando colaboradores e fazendo com que as pessoas tenham o melhor desempenho possível em seus papéis na empresa. 

Ou seja, os profissionais que trabalham com gestão de pessoas são capazes de transformar os resultados de uma organização através do estímulo à produtividade e sendo um auxílio para que as lideranças atuem de maneira humanizada e estratégica, visando alcançar os objetivos da empresa. 

O nosso texto de hoje vai responder as principais dúvidas sobre o papel do profissional de RH dentro das empresas e trazer 4 dicas práticas para que você, RH, possa transformar o ambiente de trabalho em que está inserido. Vamos lá?

 

O que faz um profissional de RH?

Em termos mais simples, o departamento de RH (Recursos Humanos) é um grupo responsável por gerenciar o ciclo de vida do funcionário (ou seja, recrutar, contratar, integrar, treinar e demitir funcionários) e administrar os benefícios dos colaboradores.

Mais que isso, o departamento de recursos humanos contribui fortemente para a cultura de uma empresa. Se o RH realmente se preocupa com o bem-estar dos funcionários, a cultura será de abertura e crescimento.

 

Qual é o Dia do Profissional de RH?

O Dia do profissional do RH é comemorado no dia 03 de Junho. 

Em 1976, neste dia, nasceu nos Estados Unidos, a World Federation of People Management Associations (WFPMA), uma rede global de profissionais em gestão de pessoas.

No nosso país, esse reconhecimento foi feito por Genézio Lucone, que mais tarde criou a Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH)

 

Quanto ganha um profissional de RH?

O cargo de Gestor de Recursos Humanos se inicia ganhando R$ 2.611,00 de salário e pode vir a ganhar até R$ 6.287,00. 

A média salarial para Gestor de Recursos Humanos no Brasil é de R$ 3.801,00. A formação mais comum é de Graduação em Psicologia.

 

Qual deve ser o perfil do profissional de RH?

Um profissional de RH é o funcionário contratado para promover tanto a organização quanto os funcionários.

Todo profissional precisa de algum tipo de qualidade e habilidade para ser o melhor em seu campo. 

Da mesma forma, o profissional de recursos humanos deve possuir algumas habilidades específicas. Aqui estão provavelmente as qualidades de RH mais importantes que um profissional de RH precisa para dar o seu melhor no local de trabalho:

  • Cuidar de todas as etapas da jornada do colaborador;
  • Comunicação clara e objetiva;
  • Capacidade de solucionar problemas e gerenciar conflitos;
  • Se preocupar com o crescimento da empresa na mesma medida que se empenha para manter a satisfação dos colaboradores;
  • Se mostrar confiável; 
  • Possuir um bom relacionamento interpessoal;
  • Ter habilidades técnicas e comportamentais;
  • Possuir visão estratégica;
  • Se apoiar em pesquisas e dados.

 

4 dicas práticas para profissionais de RH que desejam transformar suas empresas

Se você deseja fazer a diferença no ambiente em que está inserido, confira as nossas dicas práticas 👇

1. Estabeleça uma cultura de feedback

Como são os feedbacks aí na sua empresa, RH?

Acontecem de forma contínua, organizada e fazem parte da rotina de todos ou são vistos como um meio de punição e críticas sem fundamento?

Para fazer a diferença no ambiente de trabalho, é preciso construir uma cultura de feedback, onde, naturalmente, os colaboradores se sentem à vontade para dar e ouvir feedbacks

Os benefícios são: 

  • melhora no clima organizacional;
  • funcionários mais engajados e satisfeitos;
  • comunicação mais clara entre os times;
  • relacionamentos interpessoais com mais confiança e transparência;
  • colaboradores empoderados e felizes.

 

Para consolidar essa cultura e fazer com que as informações não se percam, utilize uma ferramenta para a troca de feedbacks, assim tudo fica mais fácil, registrado e as informações não se perdem. 

Lembre-se: para que isso aconteça, os líderes e gestores precisam se engajar nesta tarefa e incentivar a prática, se mostrando abertos a dar e também receber feedbacks. 

 

2. Apoie as lideranças para alcançar o objetivo da empresa

O papel do líder é sempre facilitar o diálogo e os processos internos, de forma que os colaboradores sintam-se à vontade para interagir, perguntar, dividir e confiar. 

O papel do RH nisso é justamente viabilizar, orientar e acompanhar os líderes para que eles possam acompanhar os demais funcionários. 

Os líderes estão em seus cargos porque são facilitadores, motivadores e guiam os colaboradores no caminho que a organização precisa trilhar, mas eles também precisam de apoio.

É preciso entender que os líderes também são colaboradores e que eles precisam ser encarados como ponte entre o RH e os liderados; como uma força nessa tarefa, mas que também sejam vistos como pessoas que precisam de apoio, treinamento e escuta.

A verdade é que você, RH, não consegue dar conta da empresa sozinho. A melhor e mais prática forma de engajar os colaboradores e alcançar bons resultados é pelas lideranças. 

Sendo assim, envolva a liderança, capacite, treine, direcione e se mostre aberto a ajudá-los. 

 

3. Promova engajamento entre os colaboradores

Engajar os colaboradores com brincadeiras esporádicas na integração e nas festinhas específicas durante o ano não é a receita certa para o engajamento; isso precisa ser algo natural da sua gestão e que esteja presente diariamente na rotina da empresa.

Pesquisas recentes mostram que colaboradores engajados são pelo menos 17% mais produtivos. Além disso, empresas engajadas conseguem obter uma redução superior a 40% no absenteísmo

Como está o engajamento da sua empresa? Os funcionários participam das programações e das ações com entusiasmo ou por “obrigação”?

Funcionários engajados apresentam as seguintes características:

  • Alinhamento com os valores e objetivos da empresa; 
  • Busca ativamente soluções para problemas do dia a dia;
  • Confia na empresa e na liderança;
  • Se sente reconhecido e realizado pelo que faz;
  • Tem saúde e bem-estar;
  • Quer permanecer e crescer na empresa. 

 

Se os seus colaboradores não apresentam esses comportamentos e você deseja promover mais engajamento na empresa, ponha em prática:

 

 

4. Otimize seu tempo e processos de trabalho

É transformando a sua rotina de trabalho e otimizando seu tempo que você vai transformar a sua empresa. 

Quando você deixa de perder tempo com tarefas repetitivas e burocráticas, sobra mais tempo para focar em aplicar as dicas que mencionamos ao longo deste texto.

Quando você restringe suas tarefas a planilhas e papeladas e perde tempo com atividades repetitivas, presenciais e manuais, mal sobra tempo para a inovação. 

Nossa dica prática é que você converse com seu CEO e contrate um software de gestão de RH da Feedz. Através dele, você pode:

  • Reconhecer seus funcionários;
  • Enviar e receber feedbacks de forma prática;
  • Agendar reuniões entre líderes e liderados;
  • Rodar pesquisas de clima, satisfação e engajamento;
  • Enviar comunicados;
  • Criar um mural de celebrações;
  • Gamificar processos e ações; 
  • Acompanhar os objetivos e resultados da empresa em tempo real. 

 

Como mostrar para o seu chefe que o RH é foda

 

 

Nenhum post relacionado encontrado

Veja o que estão comentando

2 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Carolina Onizia Borges Araujo
Carolina Onizia Borges Araujo
4 meses atrás

Seria possível o envio de um material em PDF
Onde mostre os subsistemas de cada setor?
RH
DP
SESMT

Preencha o formulário abaixo e em breve o nosso time de especialistas entrará em contato!