Quais os principais benefícios de uma Pesquisa de Pulsos?

Quais os principais benefícios de uma Pesquisa de Pulsos?

As empresas, gestores e colaboradores já estão acostumados com a pesquisa de clima, mas poucos conhecem a pesquisa de pulsos. Essa tem o objetivo de medir algum indicador ou obter alguma resposta dos profissionais que atuam no negócio no período entre as pesquisas de clima.

Pesquisar o clima da empresa não é algo simples de se fazer, nem tão pouco rápido. E para medir com eficiência o que os colaboradores estão achando do ambiente organizacional é preciso dar um tempo mínimo para que estes sintam efetivamente o clima da empresa. Portanto, este tipo de pesquisa é feito, geralmente, a cada ano, ou a cada dois anos. 

Mas isso não quer dizer que a empresa não identifica problemas de engajamento, falta de credibilidade da liderança, problemas interpessoais ou falta de propósito neste meio tempo. E o que fazer? Esperar até a próxima pesquisa de clima pode ser muito tempo. Para isso foi criada a pesquisa de pulsos, que  ajuda a medir indicadores neste período. 

Características da pesquisa de pulsos

A pesquisa de pulsos só existe se existe um problema que precisa ser resolvido, por isso, geralmente, seu objetivo é claro e fácil de identificar. Ela nasceu para ser algo rápido, portanto, geralmente é curta, tendo no máximo 10 perguntas – se atente ao tempo de resposta, o colaborador não deve gastar mais do que 4 minutos respondendo à pesquisa de pulsos. 

Além disso, ela não precisa ser feita na empresa inteira. Como seu objetivo é entregar respostas rápidas à um problema, pode ser escolhido um grupo de amostragem, que deve ter no mínimo cinco pessoas. As respostas, prioritariamente, devem ser anônimas, assim é fácil de identificar a solução do problema sem viés nenhum. 

O jeito mais eficaz  de fazer a pesquisa de pulsos é contar com um software que distribua as perguntas e reúna as respostas. Dessa forma, elas se tornam verdadeiramente anônimas e a operacionalização é otimizada. 

Benefícios da pesquisa de pulsos

O benefício central e mais óbvio desse tipo de pesquisa é resolver um problema pontual de forma rápida. Por exemplo, nos feedbacks foi identificado um padrão de reclamação sobre a liderança de determinada área. Para entender o porquê da insatisfação, pode ser feita uma pesquisa de pulsos. Assim, logo se tem o motivo de tal insatisfação e pode-se trabalhar para melhorá-lo. 

Outro benefício é o mapeamento dos sentimentos dos colaboradores de uma empresa. Por mais que a pesquisa de clima seja eficaz, ela traz mais uma fotografia: uma pessoa não vai lembrar de um problema que teve um ano atrás e que custou três meses de baixa produção se agora está tudo certo. A pesquisa de pulsos, por outro lado, pode ser feitas em períodos menores de tempo, o que ajuda os gestores a desenharem um gráfico real de satisfação dos colaboradores, trazendo um acompanhamento periódico.

A simplicidade também é um diferencial deste tipo de pesquisa. Não é necessário que para rodá-la a equipe responsável fique dias pensando nas perguntas, preparando os colaboradores e depois analisando os resultados. Basta identificar um problema, delimitar um grupo  de amostragem e rodar poucas perguntas. 

E na sua empresa, a pesquisa de pulso já foi praticada? Nos conte como foi a experiência. 

Comments are closed.