[URGENTE] 🚨 Confirmado: Vai ter evento presencial da Feedz em São Paulo! #FeedzDay

Planejamento de OKR: Como planejar o seu trimestre?

Fazer o planejamento de OKR pode ser um desafio. Por isso, separamos algumas dicas de como fazer isso da melhor forma. Vem conferir!
planejamento de okr

Como era o seu desempenho escolar? Geralmente nota dez com estrelinha; ficava na média; ou começava o ano com notas vermelhas e depois recuperava o atraso? Além da nostalgia, o aproveitamento escolar pode te ajudar a entender o planejamento de OKR. 

Neste artigo, vamos ver como fazer o planejamento de OKR e como as cerimônias são importantes.

O que é o planejamento de OKR?

A vida escolar é um dos nossos primeiros contatos com objetivos e resultados. Neste período, nosso objetivo era aprender algum conteúdo. Para comprovar que conseguimos, tínhamos que alcançar um resultado: a média escolar.

O ano escolar é dividido em trimestres. A cada trimestre os estudantes têm um objetivo a alcançar. O resultado-chave deve ser a média exigida pela escola, geralmente nota 7. A cada encerramento de trimestre tem uma “cerimônia”, que é o momento de compartilhar o resultado com os pais.

Percebeu que tudo isso tem a ver com OKR? A diferença é que na escola não fazemos de fato um planejamento de OKR. As coisas vão acontecendo.

Também não fazemos um check-in semanal para falar sobre nossos objetivos e resultados. Sem o acompanhamento é muito comum perdermos o foco. Muitos estudantes só se dão conta de que o tempo tá passando e nada foi feito quando o boletim escolar começa a ficar com notas baixas.

Vamos aproveitar que o segundo trimestre está só começando para fazer todos os ajustes necessários.

Com um bom planejamento de OKR você conseguirá alcançar seus resultados-chave

Quando estivermos lá em outubro ou novembro você não terá aquela sensação de que o ano foi perdido. Além disso, se você tiver filhos em idade escolar pode até repassar a metodologia pra eles (depois conta o resultado pra gente).

? 10 benefícios de utilizar o OKR na sua empresa

Ebook sobre OKR

Relembrando, o que é OKR?

Este é um post direcionado para quem já sabe como funciona o OKR. Mas, se você está chegando agora e ainda não sabe do que estamos falando. Calma, vamos recapitular exclusivamente pra você. 

OKR é uma metodologia ágil para gerir objetivos e metas que pode ser utilizado por qualquer empresa, independente do segmento ou tamanho.

 

O termo OKR é a sigla de Objectives and Key Results ou Objetivos e Resultados-Chave em português. 

Embora pareça uma novidade, podemos dizer que o OKR já passou dos cinquenta anos. O framework foi utilizado na década de 70 por Andy Grove e sua equipe na Intel.

Anos depois a metodologia foi implantada em uma nova startup que surgiu no Vale do Silício. Na época, essa empresa tinha apenas 40 funcionários. Hoje são milhares de colaboradores.

Essa organização é o Google, que com um bom planejamento de OKR alavancou seu crescimento. Seu exemplo comprova que o OKR funciona em organizações de qualquer porte.

 

O que é o ‘Objetivo’ no OKR?

Quando falamos de OKR o “Objetivo” é a intenção. Sua empresa vai traçar um planejamento de OKR para alcançar qual sonho? Se fossemos usar o exemplo do ano escolar poderia ser:  

  • Passar de ano, com louvor. 
  • Ser o melhor aluno na disciplina de português. 
  • Ser um estudante reconhecido pelo meu bom desempenho. 

 

O que é o ‘KR’ no OKR?

Já o KR é o resultado-chave. Basicamente, são os números ou métricas que demonstram se você está avançando em direção ao objetivo e quando o alcança. Exemplo: 

  • Aumentar as notas de matemática de 5 para 8. 
  • Tirar somente notas 10 na disciplina de português. 
  • Ter uma média anual acima de 9. 

Importante: KRs devem ser quantitativos e mensuráveis. 

Modelo de planilha para OKRs

Quais são as cerimônias de um OKR?

O planejamento de OKR deve contemplar algumas “cerimônias”. As principais são: reuniões de início de trimestre, reuniões de check-in e reunião de fechamento de trimestre.

Essas cerimônias são momentos específicos para: 

  • definição e alinhamento de metas; 
  • apresentação do status de cada KR; 
  • elaboração de estratégias para alcançar os objetivos;
  • compartilhamento de aprendizados;  

De modo geral, as principais informações sobre como funciona a metodologia OKR são essas. Mas, se você quiser relembrar algum detalhe ou aprender mais sobre esse framework tem um post bem completo aqui no blog:

? OKR: tudo sobre a metodologia que vai transformar sua empresa
20 exemplos de OKR para RH

Agora que está todo mundo na mesma página, vamos ao que de fato iremos abordar: o planejamento de OKR

Como fazer um bom planejamento de OKR?

Dizem por aí que um bom profissional é um eterno estudante. Mas, agora vamos deixar a analogia escolar um pouquinho de lado e trazer o planejamento OKR para a rotina corporativa. 

Se seu gestor disser que você precisa ter a equipe mais motivada da empresa e que o eNPS deve ser no mínimo 80. Como você se sentiria? Talvez sobrecarregado por ter que se preocupar com mais uma coisa. 

E se a conversa fosse diferente? Se a proposta fosse reunir os times para elaborar metas que tenham afinidade com os objetivos e valores da empresa? Juntos vocês poderiam definir que sua meta é ter a equipe mais motivada e um eNPS acima de 80. 

Os dois exemplos apresentam a mesma ideia. Porém, eles certamente teriam resultados bem distintos. Isso porque a maneira como foram comunicados influenciaria diretamente no empenho e dedicação dos colaboradores. 

Quando as pessoas participam de fato do planejamento de OKR, a tendência é que se sintam corresponsáveis. Diferente de quando algo lhes é imposto. Essa é uma das primeiras dicas: inclua os colaboradores na implantação e planejamento de OKR.

Tenha em mente que o sucesso dessa metodologia está diretamente ligado ao planejamento e comunicação da estratégia. Portanto, OKR não é algo apenas para gestores. 

OKR é uma espécie de acordo coletivo, em que todos os colaboradores estão comprometidos desde o início. 

Portanto, o primeiro passo para fazer um bom planejamento de OKR é incluir todos os colaboradores. Para os que ainda têm receio que isso pode não dar certo, vale lembrar que a gestão horizontal tem o poder de alavancar a performance das equipes. 

 

3 passos para planejar bons OKRs 

Quem está começando a implantar o OKR costuma ter dúvidas se os objetivos e resultados-chave são efetivamente bons. Você também tem essa dúvida? 

Talvez a maior preocupação de todos é se a metodologia realmente vai funcionar. Você mesmo pode responder essa pergunta, basta validar se foram seguidos alguns passos: 

 

1. Diferencial

A proposta é que o OKR seja uma meta ousada. Ou seja, provavelmente vai promover alguma mudança, melhoria ou crescimento

Portanto, se as metas do seu time ou organização são ousadas, vocês estão no caminho certo! 

Um bom planejamento de OKR pode impulsionar sua empresa para: 

  • criar produtos ou serviços diferenciados; 
  • assumir a liderança do seu mercado; 
  • inovar; 

 

2. Eficácia

Para traçar um planejamento de OKR eficaz é preciso que os objetivos sejam: 

  • Significativos: O objetivo é algo prioritário? É algo que faz sentido para os envolvidos? 
  • Audaciosos: É fácil alcançar o resultado-chave? Precisa mudar algo para alcançar o resultado proposto?
  • Inspiradores: O objetivo deixa os colaboradores empolgados? Alcançá-lo é considerado um desafio? 

 

3. Efetividade

Para avaliar a efetividade do seu planejamento de OKR avalie se ele tem conexão com a missão maior da organização. Se não houver essa conexão, não haverá efetividade. 

Essa análise pode ser feita a partir de três perguntas. Os resultados-chaves que você pretende alcançar são:

  • Tangíveis: O que se deseja alcançar está evidente? Tem um período para iniciar e finalizar? 
  • Agressivos: Você tem certeza que vai alcançar os resultados-chave? A proposta é que sejam resultados ousados, mas realistas. Se é algo que jamais poderia ser alcançado, precisa ser revisto.
  • Mensuráveis: O resultado precisa ser medido de alguma forma. Portanto, deve haver algum critério para mensurar o desempenho obtido.  

Se você ainda não finalizou o planejamento de OKR para este trimestre, essas dicas podem lhe ajudar a traçar objetivos eficazes.

Por outro lado, se o seu planejamento de OKR já está pronto. Que tal avaliar se está tudo adequado para realmente promover mudanças, melhorias ou crescimento.

? 30 Exemplos de OKR para inovar a gestão da sua empresa + planilha grátis
Qual a diferença entre OKR e KPI


Cerimônias de OKR: o que são e qual a importância?

Lembra que lá no começo deste artigo falamos sobre cerimônias? Esses momentos são imprescindíveis para o sucesso da metodologia OKR. 

As cerimônias devem ser realizadas a cada trimestre. O ideal é que tenha no mínimo um encontro inicial para apresentar os desafios do período e outro para encerrar o ciclo e apresentar os resultados. 

Essas cerimônias podem ser encontros bem informais. A proposta é compartilhar o andamento do trabalho, receber feedbacks, dividir desafios e celebrar as conquistas

O ideal é que as cerimônias ocorram regularmente durante todo o trimestre. Seja semanal ou quinzenalmente. Assim, todos sabem o que já foi feito e o que ainda resta fazer para alcançar os objetivos. 

Um bom planejamento de OKR é como um mapa que indica um caminho para chegar ao lugar onde você e sua empresa desejam estar. 

As cerimônias equivalem às paradas que você faz no caminho para abastecer, fazer um lanche ou esticar as pernas. Esse fôlego é indispensável para uma viagem tranquila, sem muitos contratempos.  

? Check in OKR: o que é e como conduzir uma boa reunião?
Por que a Feedz é a melhor ferramenta para gestão de okrs?

Como está a viagem do OKR aí na sua empresa? Vocês estão no caminho certo? Já fizeram as primeiras paradas ou ainda estão ajustando os motores para partida?

Gabriel Leite

Gabriel Leite

Voar pelo conteúdo

A plataforma completa para aumentar o engajamento e desempenho de colaboradores

Assine nossa newsletter!

Outros conteúdos que você pode gostar